Gestão de negócios

Toda empresa é obrigada a ter contador?

Toda empresa é obrigada a ter um contador? Descubra a resposta neste artigo do nosso Blog!

Alguns empresários –  principalmente de pequenos negócios – ainda não sabem o quanto um contador pode ser um grande parceiro no sucesso da empresa.

A atuação desse profissional pode ajudar gestores a tomarem decisões mais acertadas, a se manterem em dia com suas obrigações legais, além de entenderem e monitorarem a saúde do próprio negócio.

Apesar de toda essa importância, será que toda empresa é obrigada a ter contador?

Para responder a essa e outras perguntas, confira nosso artigo de hoje!

Será que toda empresa é obrigada a ter contador?

Na grande maioria dos casos, a resposta é “sim”. Mas há uma exceção.

Alguns gestores até pensam que sua empresa pode funcionar sem a atuação de um profissional da contabilidade, mas não é bem assim.

Veja o que diz o Código Civil, em seu artigo 1.179:

“O empresário e a sociedade empresária são obrigados a seguir um sistema de contabilidade, com base na escrituração uniforme de seus livros, em correspondência com a documentação respectiva, e a levantar anualmente o balanço patrimonial e o de resultado econômico”.

Em outras palavras, a lei exige que toda empresa (independentemente do porte) tenha, na pessoa do seu empresário, sua movimentação patrimonial e financeira acompanhada e devidamente registrada por um contador.

Existe alguma exceção?

Sim.

A única exceção a essa regra são os microempreendedores individuais (MEI).

Essa categoria de empresa recolhe impostos por meio do Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS), que possui um valor mensal fixo. E está dispensada de escrituração contábil ou patrimonial, ou seja, não é obrigada a ter contador.

Vale lembrar, no entanto, que apesar de não serem legalmente obrigados, até mesmo essa categoria de empreendedores pode se beneficiar bastante de contar com a assessoria e a orientação de um contador, especialmente se eles buscam um crescimento saudável dos seus negócios.

Além de não terem contador, muitos MEIs também não emitem notas fiscais. Neste artigo a gente te mostra a importância desse registro e como fazer:

Aprenda a emitir notas fiscais sendo MEI

Problemas que uma empresa pode ter se ficar sem esse profissional?

Confira, abaixo, alguns dos problemas que empresas podem enfrentar por não disporem de um contador e/ou serviço de contabilidade.

1. Atrasos e multas

Todo negócio possui obrigações regulares com taxas, impostos e despesas em geral, que vencem em datas diferentes e que precisam ser monitoradas para não serem esquecidas.

Contar com a assessoria de um contador para acompanhar, calcular e registrar o pagamento desses tributos e despesas é uma tranquilidade para o empresário e uma segurança para a saúde financeira do negócio, ao evitar o pagamento de multas, juros ou mesmo problemas com os órgãos de fiscalização.

Um ponto importante de todo negócio é seu planejamento tributário. Mas você sabe o que isso significa? Conheça os 4 principais tipos neste artigo:

Conheça 4 tipos de planejamento tributário!

2. Legalidade

Como vimos no artigo 1.179, do Código Civil, citado acima, uma das principais exigências legais às empresas é que elas mantenham em dia sua documentação, como contrato social, notas fiscais, registros contábeis, demonstrativo de resultado de exercício (DRE), entre outros. 

E, para que isso possa ser feito corretamente, é fundamental contar com a ajuda do contador, já que faz parte da rotina desse profissional estar a par dessas exigências legais, bem como ajudar na organização, apresentação e registro dessas obrigações.

3. Acompanhamento

Os contadores desempenham funções importantes, atuando em pontos financeiros essenciais, como na análise de desempenho e na gestão de riscos, e empresas que não dispõe do auxílio desses profissionais correm o risco de errar na avaliação do seu próprio desempenho financeiro e fazer investimentos que ponham em risco a segurança financeira do negócio.

O principal objetivo de todo negócio é aumentar o faturamento. Neste artigo do nosso Blog, a gente te mostra 10 estratégias para isso:

10 dicas para aumentar o faturamento!

Benefícios de ter um contador como parceiro do seu negócio

Agora, veja uma lista com bons motivos para contar com a parceria de um bom contador no dia a dia do seu negócio!

1. Economia

Os contadores estão sempre buscando as melhores alternativas para que empresas possam reduzir despesas e gastos desnecessários ou pagar o mínimo de impostos possível, sem que sejam impactados os processos e serviços prestados.

Especialmente na modalidade da contabilidade consultiva, a empresa passa a contar com um verdadeiro consultor de decisões, ajudando o empresário a tomar as melhores decisões e aproveitar as melhores oportunidades.

Entender a linguagem contábil pode ser muito útil no dia a dia do empresário. Conheça 6 termos contábeis importantes para seu negócio:

6 termos contábeis que todo empresário precisa conhecer!

2. Controle

Esses profissionais também atuam no controle financeiro, com isso sua empresa saberá exatamente em que situação se encontra o fluxo de caixa, ou seja, a quantidade de dinheiro que está entrando e saindo.

Não controlar bem o fluxo de caixa é, sem dúvida, o principal motivo de falência de pequenos negócios no Brasil. E contar com o acompanhamento e o aconselhamento de um especialista pode fazer toda diferença.

Descubra os principais motivos que levam as empresas à falência e aprenda a proteger o seu negócio:

O que leva as empresas à falência?

3. Organização e transparência

Para que uma empresa possa ser considerada um exemplo de gestão, é preciso que as finanças estejam organizadas, e essa tarefa se torna muito mais fácil com o auxílio de um bom contador.

Faz parte do trabalho desse profissional garantir a padronização e a demonstração, quando necessário, de que as finanças do negócio estão em dia.

Uma empresa financeiramente organizada, com sua documentação de acordo com a legislação e demonstrando transparência quanto a suas atividades só tem a ganhar, como maior facilidade na obtenção de crédito e melhores condições de negociar preços e prazos com fornecedores.

4. Tempo

A administração de uma empresa exige tempo, e este é um bem que não precisa ser desperdiçado com processos financeiros e tributários que podem muito bem serem delegados a um profissional de contabilidade.

Por ter conhecimento técnico e experiência, o contador sabe o melhor caminho a se traçar para que tudo possa ser feito da maneira mais eficiente, rápida e correta.

5. Atualização legal

Como a legislação tributária está em constante mudança  – especialmente no Brasil – empresários muitas vezes não têm tempo para acompanhar todas as alterações e atualizações fiscais que dizem respeito ao negócio.

E é aí que entra o papel do contador. Com o auxílio de um bom software de gestão contábil, ele é capaz de adaptar sua empresa a cada nova exigência imposta, evitando que erros venham a atrapalhar o dia a dia da companhia.

O crescimento do seu negócio é mais fácil com a DIGISAN!

Esperamos que este artigo tenha esclarecido que toda empresa é obrigada a ter contador, bem como ajudado a mostrar a importância que esse profissional tem no dia a dia de todo negócio e a diferença que sua assessoria pode fazer.

E, mesmo no caso dos microempreendedores individuais, que não são obrigados a ter um contador, pode ser muito benéfico contar com essa parceria.

Agora, se você quer ter ainda mais segurança e organização no seu negócio, ressaltamos também a importância de uma boa gestão fiscal, adequada às exigências legais impostas pelos órgãos competentes. 

Para te ajudar nisso, a DIGISAN fornece uma série de soluções tecnológicas, como certificados digitais e emissor de notas fiscais eletrônicas.

Acesse nosso site e adquira ou renove, agora mesmo, seu certificado digital. Você ainda pode experimentar nosso emissor de notas fiscais gratuitamente por 7 dias!

Quero meu teste grátis do emissor DIGISAN

Você também pode gostar

Voltar ao blog